O tempo Vida !

O tempo Vida !
Não se troca um amor velho por um amor novo.Banners original do blog

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Diversidades.Aves


Os poemas são como pássaros, nascem para ser livres, chegam e vão sem saber onde vão pousar. O amor não é uma gaiola é, antes de tudo, o galho da árvore ou as pedras dos rios onde esses pássaros pousam e descansam. Enquanto pousam, inebriam a alma de quem estiver por perto com a beleza de seu canto. E, por viverem livres e pousarem onde lhes é mais agradável, por vezes resolvem ficar onde encontram o aconchego da natureza e onde as árvores lhes oferecem galhos mais altos e segurança para a formação dos seus ninhos, por isso ali ficam e repousam...
Eu gosto de pensar que o amor é assim, um lugar agradável e confortável, não uma prisão para onde você volta por terem domado seu espírito...

Pesquisas de net sem autor definido
Imagem do google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Araras Azuis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...